Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cozinha de solteira

Cozinha de solteira

Mais que uma poupança de dinheiro, cozinhar para congelar é, acima de tudo, poupança de tempo.


Em poucas horas fiz 6 refeições distintas com várias porções. É verdade que muitas delas incluem molho de tomate. Mas que posso dizer? Eu adoro molho de tomate!


 


Descrevo as porções e refeições que fiz para mim. Tudo poderá ser facilmente adequado a outros gostos, quantidades e até receitas. 


 


Recomendo vivamente que comecem por realizar algumas das tarefas de preparação como cortar o papel vegetal para os hambúrgueres de peru. Eu coloco sempre 2 pedaços de papel por hambúrguer e, as minhas quantidades dão facilmente para mais de 30 hambúrgueres, dependendo do tamanho.


 


Existem atalhos para minimizar o tempo de preparação, nomeadamente utilizando cenoura e cebola (+- 300 gr) pré cortadas e peru previamente picado.


 


Eu demorei um pouco mais porque decidi picar manualmente os legumes, já que na máquina ficam alguns pedaços demasiado grandes e o resto em papa. Piquei tudo em cubinhos e depois ia misturando com o peru no acto de picar a carne (prefiro picar em casa).


 


Para a lasanha, poderão utilizar novo atalho, comprando o bechamel em vez de o fazer em casa.


 


Refeições para congelar:


 


 


Canja de peru (2 doses individuais)


Tirinhas de peru com molho de tomate (1 dose individual)


Almôndegas de peru (16 almôndegas)


Mini-hambúrgueres de peru (40 mini- hambúrgueres)


Lasanha de peru (3 doses individuais)


"Bolonhesa" de peru (4 doses  individuais)


 


 


 


Ingredientes: 




2 peitos de peru (picados ou para picar em casa; geralmente, um peito de peru tem cerca de 1kg)


1200 gr de tomate pelado (utilizei em lata)


3 cenouras médias


salsa fresca 


pimenta e sal


cebolas (q.b.; utilizei 300 gr)


alho francês (q.b.; utilizei 1 talo)


azeite q.b.


farinha integral (q.b.)


 


Material: papel vegetal, sacos para congelar, formas de alumínio (necessárias para a lasanha)


 


Preparação: cortar o papel vegetal em quadrados, para separar o hambúrgueres de peru, evitando que eles se colem durante a congelação


 


 


Colocar um pouco de azeite num tacho grande com cebola picada grossamente. Quando a cebola começar a ficar translúcida, adicionar o tomate (desfeito em polpa com a varinha mágica). Temperar a gosto. Adicionar um pouco de água. Deixar apurar um pouco.


 


Retirar dos peitos de peru duas porções, em tirinhas ou cubinhos, de 50-100 gr cada (1 pessoa). Reservar.


 


Picar a carne remanescente com cebola, salsa e temperar com um pouco de sal e pimenta (a gosto). 


 


Dividir o peru picado em 2 porções.


 


 


Porção 1 - Canja de peru


 


Num tacho com água, fazer uma canja com uma porção de tirinhas de peru. 


 


 


Porção 2 - Tirinhas de peru com molho de tomate


 


Do molho de tomate, retirar o equivalente a 1 ou 2 copos de molho para as tirinhas. Congelar juntamente com o peru cru.


 


Porção 3 - Almôndegas de peru


 


Com uma das porções de peru picado, molde almôndegas de tamanho uniforme (em alternativa, pode variar no tamanho, mas recomendo que se congelem separadamente por causa dos tempos de cozedura).


 


Deverá optar se as almôndegas serão congeladas cruas, com ou sem molho, ou já estufadas no molho de tomate.


 


Poderá colocá-las numa porção do molho de tomate e cozinhar neste momento; podem depois ir a congelar e em momento ulterior bastará descongelar e aquecer. Outra opção será congelar (no molho de tomate) imediatamente, mas em cru.


 


Em alternativa, as almôndegas são congeladas sem qualquer molho, para poderem ser levadas ao forno


 


A minha opção foi congelar sem qualquer molho. Se desejar cozinhá-las ou congelá-las em molho, deverá adequar a quantidade de ingredientes do para o molho de tomate.


 


Porção 4 - Mini-hambúrguers de peru


 


Corte vários quadrados de papel vegetal para colocar entre os hambúrgueres, o que permitirá que os guarde todos no mesmo saco de congelação, sem que fiquem colados.


 


Para os mini-hambúrgueres forme bolas de carne maiores que as almôndegas e achate com as mãos até formar um disco.


 


Eu opto pelo tamanho "mini" porque se tornam mais práticos para grelhar. Relativamente à altura, poderá usar como referência o tamanho "normal" de um hambúrguer, embora seja preferível um pouco mais finos para grelhar bem e em pouco tempo.


 


 


Porção 5 - Lasanha de peru & "Bolonhesa" de peru


 


Coloque uma porção de peru em molho de tomate e cozinhe-o. Se gostar, nesta fase poder enriquecer a carne com alguns legumes cortados aos cubinhos (curgetes, cenouras, etc).


 


Congele uma das porções em doses individuais para utilizar numa massa "bolonhesa" ou até um empadão.


 


Com a porção remanescente, faça uma lasanha de peru. [utilize como base a receita de lasanha de bacalhau]


 


 


 


Sugestões adicionais:


1. Faça uso da sugestão da Jonas Nuts, misturando soja hidratada ao perú picado. Não conte aos comensais (especialmente nas porções cozinhadas com o molho de tomate)  e eles não sentirão a diferença. Poupa na saúde e no bolso.


 


2. Cortar o peru em pequenos "nuggets" que se congelam em sem tempero (cortados) ou já com no molho de marinar.


 


 


NOTA FINAL:


Se não forem picuinhas como eu, esta semana o LIDL tem almôndegas e hambúrgueres de peru que me parecem em promoção (€ 2,49/460 gr. - eu paguei €6,50/kg).


Facilmente poderão transformar duas almôndegas num pequeno hambúrguer, inclusivé adicionando alguns temperos. 


 


Mais fácil: comprem para 3 ou 4 refeições. Poderão fazer apenas o molho de tomate e cozinhar as almôndegas. Servem de imediato uma porção e congelam as restantes.


 


O meu lema é cozinhar uma vez para várias refeições.

A Colher de Pau do blog  As Minhas Receitas, havia partilhado uma receita frantástica: Nuggets Saudáveis de Frango.


 



Fonte: As Minhas Receitas


 


Que se tornou uma das minhas preferidas, para comer e para congelar. Fiz exactamente como indicado na receita e em vez de levar ao forno, levei ao congelador. Uma excelente solução para uma refeição saudável e pré cozinhada. É só colocar no forno e voilá.


 


E mais recentemente, fez um post com 10 sugestões de refeições para congelar.

Abandonar a planificação = "Saltar" refeições


 


 



 


Resolução de ano novo


 


Melhorar o sistema de planificação de refeições.


 


Mas acima de tudo: CUMPRI-LO!


 


 


 


Ontem voltei ao cozinhado a metro para o congelador:


 


Estufei um quilo de carne picada com 2 latas de tomates pelados, 2 cenouras em rodelas, meia courgette em pedaços, uma lata de cogumelos laminados, azeitonas sem caroço (em pedaços), cebola e salsa.


 


Deu para 2 doses de massa com carne picada, várias doses de lasanha (desta feita, aumentei o líquido na carne, para colocar o molho bechamel apenas no fundo e na camada antes do queijo) e para uma dose de courgette assada com carne picada:


 


Lavar uma courgette pequena ou metade de uma grande (a que sobrou da carne picada) e retirar um pouco do miolo, para formar um "barco". Não descascar. Untar com um pouco de azeite e levar ao forno pré-aquecido cerca de 15 minutos. Adicionar-lhe carne picada e um pouco de queijo, continuando no forno até dourar.


 


Uma delícia e uma excelente alternativa à massa.